13 de julho de 2016

aliás

eu gosto de sofrer.

tipo em uma quarta-feira particularmente estressante - depois de uma viagem que me fez pensar o quão maravilhoso seria se eu não precisasse trabalhar para sobreviver - ficar zapeando na internet em blogs de pessoas que parecem ter uma vida fora de quatro paredes e um ar condicionado zuadento.

aliás, o ar condicionado da minha sala faz tanta zuada que deve caracterizar ambiente insalubre. vou processar.

eu sei que a internet nunca condiz com a realidade, mas as vezes tudo que a gente quer é sofrer mesmo... imaginando como seria ser agraciada por algo fácil na vida.

pq convenhamos que tem aquela hora que cansa ser resiliente o tempo todo. aliás, odeio ter que ser resiliente.

foda-se resiliência. quero largar tudo e vender arte na praia.

aliás, preciso aprender alguma arte. tipo aprender a escrever algo com começo meio e fim.

voltei da praia com a ideia para uma história que poderia ser massa.

ai eu tive que dormir cedo porque ia trabalhar no outro dia.

trabalhei pra caralho no outro dia

o ônibus atrasou

cheguei em casa tarde

tinha matéria pra estudar

meu notebook deu pau (ou foi a internet?)

foda-se ideia de história que poderia ser massa.